Vereadores ouvem líderes femininas e buscam opiniões sobre projeto que cria cargo de assessoria


Para discutir sobre o Projeto de Lei 117/2017, que o cargo de Assessoria de Defesa da Mulher no município, representantes de diversos Clubes de Mães e outras entidades estiveram participando na última semana de uma reunião na Câmara de Vereadores. A reunião foi programada pelos vereadores Marcos Eliseu Heuert (DEM) e Roselei Gubert Delai (PSDB) e contou ainda com a participação dos vereadores Enio Moesch (PSDB), Gilmar Hinkel (PMDB), Sansão Pinheiro (PTB), Elias Naor Schlosser (PMDB), presidente do Legislativo; Weslei Freitas (PSDB) e José Pasqualotto (PSC).

A vereadora Roselei Gubert Delai explicou às líderes sobre a aprovação da Lei 4.525/17 que trata sobre a Política Pública dos Direitos da Mulher e que criou o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher. Houve exposição de ideias a respeito do projeto que trata da criação do cargo e que está tramitando na Câmara, sendo analisado pelas comissões permanentes. “Foi oportuno ouvir as mulheres que se posicionaram com importantes e diferentes opiniões. Isto nos ajuda a embasar nossa decisão”, ressaltou Roselei ao agradecer a participação das mulheres. “Estiveram presentes em torno de 60 líderes, mesmo com tempo chuvoso. Isso demonstra o interesse em participar de decisões que dizem respeito à aplicação do dinheiro público bem como a execução das Políticas Públicas dos Direitos da Mulher.

 

 



Notícias Relacionadas



Todos os direitos reservados. © Copyrıght 2015
Desenvolvido por Lazzari Agência Web